Olá, sou a Laís Ribeiro da Laís Ribeiro – Papelaria Criativa e hoje vim falar um pouco sobre a base PixScan.

https://www.facebook.com/laisribeiropers

Muita gente tem me procurado querendo saber mais sobre a base PixScan, principalmente se é possível usar com um papel que o fundo não seja branco/liso/claro.Hoje vim mostrar que sim, é possível.

A base PixScan cumpre o que promete, que é cortar elementos/figuras de um papel já impresso sem marcas de registo, por exemplo, papéis de scrap contendo figuras e fundo colorido.

O procedimento de rastreamento para gerar a linha de corte nessas figuras, é o mesmo que o rastreio para o printand cut.
No printand cut, se você usar um papel digital com figuras e fundo colorido e quiser cortar somente as figuras, você precisará tirar o fundo estampado usando editores de imagens antes de importar o arquivo ou poderá fazer no próprio Silhouette Studio.

Alguns papéis são mais fáceis, outros mais complicados. Precisa de paciência e dedicação. Uns serão rastreados perfeitamente apenas com a ferramenta de rastreamento, outros precisarão de edição de pontos.

A qualidade da foto também influencia bastante o resultado final. Procure tirar fotos em locais claros, com iluminação natural, sem sombras e enquadrar bem a PixScan na foto.

Hoje vou mostrar como fazer recorte de figuras de um papel de scrap de Páscoa com fundos coloridos. Mas você pode usar qualquer outro papel com figuras, ok?

FOTO001

Você vai precisar de:

Silhouette - (Use o cupom de desconto ALIZSIL)

Papel Scrap de Páscoa 

Base Pixscan
* Celular ou tabletcom câmera.

Pegue sua base PixScan, retire a película protetora e coloque o papel que será recortado.

Coloque a base com o papel já colado em uma superfície plana e, com a câmera do seu celular, tire uma foto da base toda,com o máximo de alinhamento possível.

FOTO002

Após ter tirado a foto, já pode carregar a base na sua Silhouette e abra o Studio para continuar os procedimentos.
Com o Studio aberto, clique em “Abrir Imagem PixScan”.

FOTO003

Aparecerá um menu vertical à direita.  Clique na opção “Importar do Arquivo” e em seguida “Importar Imagem PixScan do arquivo”.

FOTO004

Selecione a foto que deseja usar. Automaticamente ela será inserida na sua tela do Studio.

FOTO005

A partir de agora você fará o rastreamento, que é a parte que requer mais tempo e atenção.

Como falei no início, algumas estampas serão mais simples, outras mais complicadas.
Escolhi 3 imagens distintas para mostrar que não existe uma configuração padrão para rastrear imagens e, por isso, devem ser rastreadas uma de cada vez.

Lembrando que, quando fazemos um rastreio, o que predomina é a cor mais escura ou colorida da imagem.

Vou descrever como eu fiz os rastreamentos para quando você for fazer, poder identificar qual procedimento melhor se encaixa com o papel que você estiver utilizando.

Nessa primeira imagem, o que eu quero aproveitar é mais claro do que o fundo, então desmarquei o filtro alto e aumentei a limiar até o contorno do que eu precisava, ficar todo amarelo e cliquei em rastrear. Se clicasse em rastrear borda, a linha de corte ficaria apenas no quadrado externo.

FOTO006

Na segunda imagem, o que eu quero aproveitar é mais escuro do que o fundo, então desmarquei o filtro alto e aumentei a limiar até o contorno do que eu precisava, ficar todo amarelo. Diferente da primeira imagem, o fundo não ficou amarelo somente o escalope, que é o que eu preciso, então, posso usar o “Rastrear borda”, para gerar a linha de corte na borda do escalope.

FOTO007

E essa última imagem, tenho uma figura contendo partes brancas, coloridas e o fundo colorido. Na hora de rastrear, as partes coloridas não se separaram e acabaram se “misturando” (note que as orelhinhas e a roupinha se misturaram com o fundo).
Desmarquei o filtro alto e aumentei a limiar até ficar com o amarelo o melhor possível na minha imagem para gerar a linha de corte. Cliquei em “Rastrear”. Após o rastreamento, como falei no início do post, esse é um exemplo de figuras onde será preciso edição de pontos. Veja mais adiante.

FOTO008

Já com todas imagens rastreadas, identifiquei que tem linhas que não quero cortar, outras que precisam ser editadas etc. Selecionei todas de uma vez, cliquei com o botão direito na tela e escolhi “Liberar Caminho composto”.

FOTO009

Feito isso, apaguei o que eu não queria que cortasse e, com a edição de pontos, eu completei a orelhinha e roupinha do coelho, que, como vimos anteriormente, não foi possível rastrear.
E agora está pronto. Todas as figuras com suas devidas linhas de corte.

FOTO010

Depois de rastreado é só configurar o corte e pronto, pode enviar para a Silhouette.

Olha que legal que ficou! Tudo cortado certinho.

FOTO011

Está pronto! Agora abuse de sua criatividade para usar seus recortes.

FOTO012

FOTO013

Espero que tenha gostado. Um abraço e até o próximo.

ASSINATURA cupom alizsil

 

Deixar uma mensagem